• Flavio Ferrari - CIFS

Job trends 2020, by LinkedIn

Quais são as profissões emergentes neste cenário de transformações?

O LinkedIn ajuda a responder essa pergunta publicando, pelo terceiro ano, o seu "2020 Emerging Jobs Report", baseado nos dados coletados a partir dos serviços de recrutamento prestados pela plataforma.

A análise não chega a ser global, mas cobre localidades importantes como Estados Unidos, Alemanha, França, Reino Unido, Holanda, Austrália, Singapura e Índia, para os quais apresenta relatórios individualizados.

Tomando o Reino Unido como exemplo, liderando o ranking das profissões cujas buscas mais cresceram, estão:

1. Especialista em inteligência artificial - contatados prioritariamente por empresas de software e serviços de TI.

2. Engenharia robótica - procurados pelo setor de manufatura (que esta se transformando em "robofatura").

3. Cientista de dados - ainda em crescimento, lidera o volume de buscas por empresas de software e tecnologia

4. Full Stack Engineer (servidores e bases de dados) - segundo mais procurado por empresas de software e Ti, no ranking das profissões que mais cresceram

5. Engenheiro de confiabilidade de site (UI - funcionamento das interfaces) - também na mira das empresas de software e TI

6. Especialista no sucesso do consumidor (UX) - a primeira profissão do ranking a requerer soft skills, disputada por empresas de mídia e comunicação, serviços corporativos e educação

Nas posições seguintes temos um misto de profissionais de tecnologia, vendas especializadas e desenvolvimento de produtos.

A surpresa fica com a nona posição. As empresas de Healthcare procuram Técnicos em saúde comportamental, já que os planos de saúde passaram a cobrir os problemas de saúde mental.

Machine learning (aprendizado de máquina) é a disciplina "top" para quem quer ter garantia de emprego bem remunerado nos próximos anos.

Link para os relatórios aqui.